Home / FAMÍLIA / Sinais que Você não Deve Ignorar nos Primeiros Encontros

Sinais que Você não Deve Ignorar nos Primeiros Encontros

Qual é o seu primeiro encontro ideal?

Se você estiver procurando por um relacionamento estável, há detalhes, atitudes e formas de comportamento que você não pode ignorar, porque se a princípio você não dá importância, talvez depois você corra o risco de sabotar o seu relacionamento.

A chegada do Tinder e outros aplicativos para conhecer novas pessoas têm provocado muitos primeiros encontros.

Se você quer somente sexo, basta apenas ter química entre as partes. Mas se você quer um relacionamento ou está procurando alguém para compartilhar sua vida, você não deve ignorar esses sinais.

  1. Se a pessoa faz você se sentir especial de um jeito diferente.

Se você está começando um relacionamento com alguém, a pessoa deve fazer você se sentir bem, especialmente de uma forma não apenas fraternal. Se você não se sente dessa forma, não tente mascarar a realidade e continuar o relacionamento.

  1. Se seu encontro não para de falar sobre alguém (ex?) durante a relação.

Estamos diante de um sinal claro de fracasso de relacionamento, se a pessoa com a qual você sai fala o tempo inteiro de um ex, ou de uma relação anterior, diferente, de quando se fala frequentemente de um amigo ou de um colega de trabalho.

  1. Se seu parceiro é desonesto e você o pegou mentindo.

É um sinal que não deve ser ignorado, é um mau começo e deve-se ir direto ao ponto. Embora seja uma pequena desonestidade, não duvide de que em breve haverá uma segunda e uma terceira mentira. Você merece algo melhor.

  1. Se a pessoa é muito dependente.

A relação funciona quando ambas as partes têm o seu espaço, seus hobbies e você pode passar algum tempo com seus amigos. Se o cara é muito dependente,  você tem que se perguntar se você realmente vai estar disposto a abrir mão da sua liberdade por essa pessoa.

  1. Se seu parceiro tem um temperamento explosivo.

Uma pessoa que fica com raiva sobre assuntos triviais, entra em brigas sem motivo, grita com o garçom… Todos estes são sinais de que a relação com essa pessoa não será fácil e em breve tudo isso poderá respingar em você.

  1. Se seu companheiro constantemente zomba de tudo e de todos.

Senso de humor é uma bênção para um casal, mas não é bacana se ele começa a ser usado indiscriminadamente em todos os lugares e todo o tempo. Se isso faz você se sentir desconfortável ou se vê envolvido em situações desagradáveis, pense duas vezes se essa é a pessoa certa para você.

  1. Se ele tem muitos segredos.

Se a pessoa de repente vai para outro lugar para falar ao telefone, se ela fecha sempre a tampa da tela do notebook quando você chega, ela pode estar escondendo algo. Começar um relacionamento com segredos, definitivamente não é uma boa coisa.

  1. A pessoa é grossa e fala alto com você

Esse motivo é uma evidência óbvia de que você deve cair fora da relação o mais rápido possível. Se nem nos primeiros encontros seu parceiro consegue te respeitar dentro da relação, imagine depois? Respeito e tratamento adequado são essenciais para um relacionamento duradouro.

9 – A pessoa frequentemente abusa de substâncias

Se após alguns encontros você conseguiu notar que a pessoa frequentemente abusa de substâncias ilícitas ou lícitas, fique ligada, pois pode ser uma cilada. Depois de um tempo isso pode se tornar um problema para a relação. Drogas induzem à violência e a brigas e com certeza não serão nada boas para a manutenção de um relacionamento duradouro.

10- Se a pessoa se relaciona bem com a família e com os amigos

Uma pessoa que não se relaciona bem com nenhum membro da família e não possui amigos não pode ter um relacionamento afetivo bem sucedido, pelo simples fato de que o relacionamento entre um casal é uma extensão de um possível relacionamento que essa pessoa tem com a sua família. O relacionamento a dois é apenas uma forma de relacionamento, assim como a relação entre amigos e familiares, com idas e vindas, altos e baixos. Se seu companheiro não consegue manter nenhuma relação interpessoal, ele possivelmente não conseguirá manter uma relação estável com você.

  Aprenda que o seu parceiro não é o seu concorrente, aquele com quem se deve travar disputas constantes e que só porque discordou da sua posição está contra você. Parceria é resultado da equação amizade+companheirismo.

Não espere que o outro tenha uma bola de cristal, aprenda que só falando, comunicando de alguma forma, é que será possível que o seu companheiro saiba, de verdade, o que você quer, pensa.

Nunca esqueça que um relacionamento é composto por três corpos: o eu, o outro e o nós, e cada um deles deve ter o seu espaço, atividades, metas, sonhos, objetivos, planos.  Todo excesso é prejudicial.

Felicidade em um relacionamento amoroso não é e jamais será sinônimo de perfeição. Ambos os lados tem as suas expectativas e necessidades.  Algumas vezes, é preciso levar uma boa chacoalhada do destino para se dar conta do valor que tem uma relação com alguém. Se a pessoa vale a pena, invista e preserve-a enquanto é tempo, afinal, o ontem já passou e o amanhã pode ser tarde. 

DICA EXTRA PARA VOCÊ!

Conheça a Nova Dieta Para Ganhar Massa Muscular

Uma das formas para ganhar massa muscular é o apoio em pilares. Um dos primeiros ...